Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

La Vie en Chérie

Para os apaixonados por moda, cinema, livros e por uma vida doce e divertida

La Vie en Chérie

Para os apaixonados por moda, cinema, livros e por uma vida doce e divertida

Golden Globe Awards | O melhor da Red Carpet

Aqui apresentamos os looks que mais nos impressionaram na red carpet da cerimónia de ontem à noite. Partilhem também a vossa opinião! 

5.

helen-mirren-af25a550-d162-4ee5-b349-24c69238bde0.

 Helen Mirren

"Com o meu vestido preto, eu nunca me comprometo". Preciso de dizer mais?

 

4. 

golden-globes-2016-viola-davis.jpg

Viola Davis  

A advogada do momento, Annalise Keating arrasa aqui num vestido que, quer em formato, cor e tecido, a favorece imenso! Adequadíssimo ao evento!

 

3.

golden-globes-2016-alicia-vikander.jpg

Alicia Vikander 

Uma das promessas do mundo cinematográfico, prima não só pelos seus papéis, mas também pela sua beleza e elegância, aqui salientadas pelo modelo Louis Vuitton. 

 

2.

golden-globes-2016-amy-adams.jpg

Amy Adams 

Vá, eu sou suspeita, a Amy decidiu usar a minha cor favorita. Simples, com poucos pormenores, favorece as formas da actriz, já para não falar de quão bem fica no seu tom de cabelo. 

 

1.

golden-globes-2016-jennifer-lawrence.jpg

 Jennifer Lawrence 

Este foi para mim, sem dúvida, O vestido da noite. Elegante, simples, irreverente, moderno - tudo isto num único vestido!

Golden Globe Awards | O Aborrecimento da Red Carpet

As cinco senhoras seguintes foram as que nos foram indiferentes; ou seja, o vestido não é mau, mas também não é memorável. São aqueles casos em que "não aquece, nem arrefece", e que nos deixam desiludidas, especialmente nos casos em que eram nomeadas e podiam ter aproveitado a oportunidade para brilhar mais.

 

Natalie Dormer Golden Globe Awards 2016.jpg

 Natalie Dormer

Se a Margaery Tyrell visse este vestido, de certeza que também partilhava da nossa opinião, especialmente tendo em conta que a Natalie é uma actriz em ascensão.

E depois não percebo o que é que aconteceu àquele cabelo.

 

Malin Akerman Golden Globe Awards 2016.jpg

  Malin Akerman

Mesmo sem ser uma actriz de renome pedia-se mais, especialmente porque o vestido até é bonito e podia ter funcionado, se não fosse pelo peplum, que está tão out. E a cor também não abona muito a seu favor.

 

Joanne Froggatt Golden Globe Awards 2016.jpg

 Joanne Froggatt

O vestido é bonitinho, mas não é nada do outro mundo. Já vi a Anna de Downton Abbey em preparos bem melhores. Mas se calhar como já tinha vencido o Globo no ano passado, desta vez já não se preocupou muito. O penteado também não a favorece.

 

Kirsten Dunst Golden Globe Awards 2016.jpg

 Kirsten Dunst

Não sendo nomeada a um Globo há mais de dez anos, esperava-se mais, especialmente quando a sua vitória era quase certa, mas esta escapou-lhe assim como a oportunidade de usar algo melhor. 

 

Kate Winslet Golden Globe Awards 2016.jpg

Kate Winslet

A Kate Winslet tem sempre um estilo mais sóbrio e clássico, com vestidos em linhas rectas e sem grandes detalhes. Mas caramba, que o vestido que escolheu para este ano é mesmo chatinho! Talvez porque, como a própria confessou, não esperasse ganhar. Oh well!

Golden Globe Awards | O pior da Red Carpet

Começamos a nossa revisão da passadeira vermelha dos Globos de Ouro 2016 apresentando aquilo que definimos como sendo o "top -5", ou seja, as personalidades que mais estragos causaram nos nossos olhos (ahah!).

 

-5 

golden-globes-2016-rooney-mara.jpg

 

Rooney Mara 

A actriz, protagonista de um dos filmes nomeados (Carol) apostou num vestido muito elaborado numa cor que não se destaca em nada face ao seu tom de pele. Bad choice, bad, bad choice!

 

-4

golden-globes-2016-melissa-mccarthy.jpg

 

Melissa McCarthy 

A actriz que tantas vezes nos faz rir graças ao seu sentido de humor irrepreensível, faz-nos aqui chorar com o seu look. O modelo, o tecido, a cor! Tudo! Nada aqui favorece McCarthy.

 

 

-3

golden-globes-2016-kate-hudson.jpg

 

Kate Hudson 

Enganou-se, achou que ia para o Conde Redondo ou para um videoclip da Britney Spears.

 

-2

golden-globes-2016-rachel-mccadams.jpg

 

Rachel McAdams

O corte é bonito, a actriz é elegante, o padrão estragou tudo... 

 

-1  

golden-globes-2016-jane-fonda.jpg

Jane Fonda

Senhores! A Jane Fonda é o tipo de mulher de quem costumo ter inveja, devido à aparência que mantém com 78 anos. Costuma ser tão elegante e aqui arruína tudo com aquele folho hediondo no decote. Porém, dentro do mau ainda consegue ser o mau "menos mau". 

Golden Globe Awards | Nomeados e Vencedores

Durante esta madrugada decorreu mais uma cerimónia dos Golden Globe Awards, uma gala que antecede e prepara a futura noite dourada do cinema, os Óscares. Este ano realizou-se a 73ª edição, na qual foram atribuídos 26 Golden Globes em várias categorias do cinema e da televisão pela Hollywood Foreign Press Association, tendo a mesma sido apresentada pelo britânico Ricky Gervais, pela quarta vez. O prémio Cecil B. DeMille, o globo de ouro honorário entregue a alguém com uma carreira de mérito, foi atribuído a Denzel Washington.

 

73rd Golden Globe Awards.jpg

 

Relativamente às minhas impressões acerca dos premiados da noite, estas podem resumir-se a uma vitória: o Leonardo DiCaprio ganhou o Globo - happineeeeeeeeess! 

 

E a Kate Winslet também venceu um Globo. Apenas como curiosidade, esta foi a sétima vez em que ambos estiveram nomeados no mesmo ano, mas foi a primeira em que ambos venceram. Jack & Rose forever!

The Revenant conquistou três globos, além do de Melhor Actor, o de Melhor Filme Dramático e o de Melhor Realizador. The Hateful Eight também recebeu um globo pela Melhor Banda Sonora, e Steve Jobs o de Melhor Argumento, bem como o de Melhor Actriz Secundária. Estas foram as categorias do cinema que me deixaram mais feliz, e finalmente com alguma expectativa para os Óscares, porque este ano os filmes não têm puxado muito por mim.

Relativamente às séries, houve várias surpresas, mas as grandes vencedoras foram Mr. Robot e Mozart in the Jungle (meu rico Gael!). Se antes já as queria ver, agora subiram vários lugares na minha watchlist.

 

E agora, sem mais demoras, fiquem com a lista completa dos vencedores e nomeados da noite:

 

 

People's Choice Awards 2016 | Red Carpet & Winners

A cada ano que passa assistimos a mais uma edição dos People's Choice Awards,  os prémios atribuídos pelo público para distinguir os melhores dos melhores. Várias são as categorias abordadas, desde cinema, televisão, música a outros tipos de entretenimento e, como não podia deixar de ser, deixamos aqui a lista dos vencedores da noite, assim como dos looks - os melhores e os piores. 

 

Vencedores  

CINEMA

Filme Favorito: Velocidade Furiosa 7

Filme de Ação: Velocidade Furiosa 7

Comédia: Pitch Perfect 2

Filme Dramático: The Martian

Melhor Ator: Channing Tatum

Melhor Atriz: Sandra Bullock

 

 

 

 

TELEVISÃO

Melhor programa da TV: A Teoria do Big Bang

Melhor programa de comédia: A Teoria do Big Bang

Melhor programa dramático: Anatomia de Grey

Ator de comédia: Jim Parsons

Atriz de comédia: Melissa McCarthy

Ator de drama: Taylor Kinney

Atriz de drama: Ellen Pompeo

Melhor programa de competição: The Voice

Melhor apresentador de daytime: Ellen DeGeneres

Melhor série de streaming: Orange is the New Black

MÚSICA

Melhor cantor: Ed Sheeran

Melhor cantora: Taylor Swift

Grupo favorito: Fifth Harmony

Melhor canção: What Do You Mean? - Justin Bieber

Melhor album: Title - Meghan Trainor

 

DIGITAL

Celebridade favorita nas redes sociais: Britney Spears 

 

CATEGORIAS ESPECIAIS 

Personalidade mais humanitária: Ellen DeGeneres

 

 

Red Carpet

As Melhores

People's Choice Awards 2016 - Best.jpg

 Sasha Alexander | Portia de Rossi | Lea Michele | Kate Hudson | Abigail Spencer

 

As Piores

People's Choice Awards 2016 - Worst.jpg

 Lucy Hale | Carly Rae Jepsen | Jane Lynch | Vanessa Hudgens | Keke Palmer

Chérie, hoje quero ir... ao Café Tintim

Em dias de chuva, como aqueles que se têm feito sentir nos últimos tempos, a vontade de sair à rua e aproveitar para espairecer, diminui drasticamente. Contudo, para aqueles que desejem contrariar essa sensação de inércia, nós temos uma sugestão para aproveitarem estes dias. 

A nossa proposta passa por um espaço fechado, como não podia deixar de ser, e é especialmente dedicada aos fãs da banda desenhada Les Aventures de Tintin. Foi há precisamente um ano que dedicámos um post a este herói criado por Hergé, cuja primeira publicação surgiu precisamente a 10 de Janeiro de 1929; ou seja, há 87 anos.

Café Tintim.jpg

Volvido este tempo pensámos em voltar a dedicar-lhe um post, mas desta vez enquadrado nas nossas propostas de visitas culturais. Ora, é na Avenida de Roma que está localizado o Tintim Café, um espaço que, como o próprio nome indica, é dedicado ao mundo deste personagem. Além de funcionar como café, pastelaria e bar, oferece também a oportunidade de os fãs encontrarem uma decoração alusiva ao tema, e ainda uma loja com os mais variados objectos relacionados com Tintim.

Embora esta seja uma proposta mais apelativa para os fãs do personagem, a verdade é que qualquer pessoa que esteja à procura de um novo espaço de lazer original e diferente, certamente encontrará no Café Espaço Tintim uma boa opção. Aberto todos os dias, podem encontrar mais informações na página do café ou a da loja, ou ainda o site da loja.

Coisas estúpidas mas que vale a pena ver #20

Aparentemente a Mattel criou uma Barbie que fala com as crianças, através de um sistema de reconhecimento de voz e de wifi, que permite que a Barbie responda e tenha conversas. Jimmy Kimmel resolveu testar esta Hello Barbie e o resultado não podia ser mais divertido.

 

A Hello Barbie é mesmo verdadeira. Se quiserem saber mais sobre ela vejam aqui.

Neste Dia... 9 de Janeiro

Hoje damos os parabéns à actriz Nikolina Konstantinova Dobreva, que é como quem diz, a Nina Dobrev, natural da Bulgária, mas criada no Canadá. Completa hoje 27 anos, tendo nascido em 1989 em Sofia.

Nina Dobrev.jpg

Nina Dobrev é mais conhecida pelo seu papel como protagonista na série The Vampire Diaries, na qual interpretou Elena Gilbert ao longo de 6 temporadas, entre 2009 e 2015. Além deste papel, acumulou a interpretação de outras personagens na série, chegando ao cúmulo de dar vida a três personagens diferentes numa só cena. O seu árduo trabalho valeu-lhe múltiplas vitórias em prémios escolhidos pelo público, ao longo dos anos.

Também participou noutras séries, e mais recentemente tem-se dedicado à sua carreira no cinema. Entrou em Away from Her (2006), Chloe (2009), The Roommate (2011), The Perks of Being a Wallflower (2012), Let's Be Cops (2014), e mais recentemente em The Final Girls (2015), tendo já outros projectos agendados para o futuro.

Chérie, hoje apetecia-me ver... The Good Dinosaur

The Good Dinosaur ou, A Viagem de Arlo, como ficou conhecido em Portugal, é um filme de animação de 2015.

good_dinosaur_ver3.jpg

Sendo o décimo sexto filme animado produzido pela Pixar Animation Studios, está actualmente nomeado para o Globo de Ouro de Melhor Filme de Animação.

Numa linha temporal alternativa, o asteróide que supostamente iria extinguir os dinossauros, passou ao lado do planeta Terra, deixando a espécie exactamente onde se encontrava. Milhões de anos mais tarde, conhecemos uma família de Apatossauros agricultores – o pai Henry (Jeffrey Wright), a mãe Ida (Frances McDormand) e os três filhos, Buck, Libby e Arlo. Todos têm que auxiliar nas tarefas diárias da fazenda, sendo que, ganham o direito a ter a sua marca no depósito de cereais, quando fizerem algo digno e merecedor de tal condecoração. Buck é o primeiro a conseguir, seguindo-se Libby, porém, Arlo, devido à sua natureza medrosa, não consegue atingir esse feito. O pai, que sempre apoiou Arlo, incentiva-o a tomar conta da armadilha contra criaturas (humanos), sendo que deverá matar qualquer um que fique aprisionado. Escusado será dizer que, o pequeno Apatossauro não consegue. O pequeno humano foge e, Arlo e o progenitor perseguem-no. No entanto, surge uma enorme tempestade que deixa Arlo sozinho com a criatura, a quem ele chama Spot. Quando a tempestade chega ao fim, o pequeno Apatossauro está perdido e, terá que lutar e vencer todos os seus medos para encontrar novamente o caminho até casa.

 

8b607f24410045ae64b16c9a0eb95481.jpgc7440c321baa46f0fe092c8512e5a2d7.jpg

 

Apaixonamo-nos pela natureza de Arlo no momento em que o conhecemos. Apesar de todos os medos, a sua determinação é inabalável, ensinando-nos que nos momentos de dificuldade é que surgem os verdadeiros guerreiros. O pequeno Spot é também alvo da nossa compaixão, quer pela sua simplicidade, quer pelo seu, inigualável, instinto de sobrevivência. A dupla de protagonistas conquista o espectador do início ao fim do filme, conseguindo sempre arrancar um sorriso ao mesmo. Não é um filme para rir à gargalhada como The Croods, é sim algo que nos derrete o coração e nos faz pensar se não seremos todos um bocadinho como o pequeno Apatossauro. O único ponto negativo será talvez a falha temporal, no que diz respeito ao domínio real/cientificamente correcto, mas isso talvez seja um defeito da minha mente adulta e crítica.

 

Classificação: 7/10