Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

La Vie en Chérie

Para os apaixonados por moda, cinema, livros e por uma vida doce e divertida

La Vie en Chérie

Para os apaixonados por moda, cinema, livros e por uma vida doce e divertida

BAFTA | Winners e Red Carpet

Já quase na recta final de mais uma temporada dos prémios do cinema, eis os BAFTA's, a cerimónia inglesa que homenageia o que de melhor se fez na sétima arte. Eis os vencedores:

 

Melhor Filme

The Revenant: O Renascido

 

Melhor Realização
Alejandro G. Iñárritu por The Revenant: O Renascido

 

Melhor Atriz
Brie Larson, em O Quarto de Jack

 

Melhor Ator
Leonardo DiCaprio, em The Revenant: O Renascido

 

Melhor Atriz Secundária
Kate Winslet, em Steve Jobs

 

Melhor Ator Secundário
Mark Rylance, em A Ponte dos Espiões

 

Melhor Filme Britânico
Brooklyn

 

Melhor Filme em Língua Não Inglesa
Relatos Selvagens, de Damian Szifron

 

Melhor Documentário
Amy

 

Melhor Filme de Animação
Inside Out (Divertida-Mente)

 

Melhor Fotografia
The Revenant: O Renascido

 

Melhor Estreia por um Argumentista, Realizador ou Produtor Britânico
Naji Abu Nowar (argumentista/realizador) e Rupert Lloyd (produtor) por Theeb

 

Melhor Argumento Original
O Caso Spotlight

 

Melhor Argumento Adaptado
A Queda de Wall Street

 

Melhor Montagem
Mad Max: Estrada da Fúria

 

Melhor Design de Produção
Mad Max: Estrada da Fúria

 

Melhor Guarda-Roupa
Mad Max: Estrada da Fúria

 

Melhor Caracterização e Penteados
Mad Max: Estrada da Fúria

 

Melhor Sonoplastia
The Revenant: O Renascido

 

Melhor Efeitos Visuais
Star Wars: O Despertar da Força

 

E ainda alguns dos looks das actrizes que desfilaram na passadeira vermelha:

 

Best Dressed

2016 BAFTAs Best Dressed.jpg

 Gemma Chan | Angela Bassett | Kate Winslet | Emilia Clarke | Alicia Vikander

 

Worst Dressed

2016 BAFTAs Worst Dressed.jpg

 Rebel Wilson | Cate Blanchett | Dree Hemingway | Rooney Mara | Laura Haddock

Oscars Nominees Luncheon | Red Carpet

Antes dos Óscares o que é que os nomeados fazem? Juntam-se para um almoço organizado pela Academia. Eis as principais actrizes que compareceram:

2016 Oscars Nominees Luncheon - Best Actress.jpg

As Nomeadas ao Óscar de Melhor Actriz

Saoirse Ronan | Charlotte Rampling | Jennifer Lawrence | Brie Larson

 

2016 Oscars Nominees Luncheon - Best Supporting Ac

As Nomeadas ao Óscar de Melhor Actriz Secundária

Jennifer Jason Leigh | Rachel McAdams | Rooney Mara | Alicia Vikander

 

Neste dia... 13 de Fevereiro

Hoje trazemo-vos um daqueles cantores que apela sempre ao nosso coração. Dono de uma voz inconfundível, celebra hoje 66 anos - Peter Gabriel. Para celebrar, nada melhor do que cantarmos todos um dos seus grandes hits

 

"Today I don't need a replacement
I'll tell them what the smile on my face meant
My heart going boom boom boom"

Peter Gabriel - Solsbury Hill 

 

Neste dia... 7 de Fevereiro

Hoje felicitamos um jovem actor que não é conhecido pelo seu nome próprio - Christopher Ashton Kutcher - vulgarmente conhecido apenas por Ashton Kutcher. 

MV5BMTM5Mjc2MzMzMl5BMl5BanBnXkFtZTcwOTA5OTIxNw@@._

Nasceu em Cedar Rapids em 1978. Ganhou grande visibilidade com a personagem Michael Kelso na série televisiva dos anos 90, That's 70's Show. Seguiu-se a produção e apresentação de Punk'd, emitido pela MTV. 

Ao longo dos anos vimo-lo interpretar vários personagens em vários filmes, dos quais se destacam Dude, Where's My Car?, The Butterfly Effect, The Guardian, What Happens in Vegas, No Strings Attached e muitos outros. 

Nova Imagem.jpg

 

Nova Imagem1.jpg

Actualmente vemo-lo em Two and a Half Men, onde substituiu o personagem de Charlie Sheen, interpretando o milionário Walden Schmidt. 

Encontra-se também confirmado para a série da Netflix, The Ranch, que estreará em 2016.

Foi casado com Demi Moore até 2011 e desde 2012 com Mila Kunis, com quem contracenou em That's 70's Show

 

Pessoalmente gostei imenso dele no Dude, Where's My Car?, porque apesar de ser um filme completamente disparatado, fez-me rir imenso. E vocês?

Chérie, hoje apetecia-me ir... jantar a um Cartel

Calma! Não estamos a falar de um cartel daqueles que vemos nos filmes de televisão. Embora a temática seja precisamente essa, falamo-vos do novo restaurante do Parque das Nações, em Lisboa - Cartel 36. 

12362464_1085331094844325_1663614977_n.jpg

No 3C da Rua Sinais de Fogo, tudo começa com uma linha de pó branco. Não comecem já a pensar coisas, que é apenas azeite em pó, que podem colocar em pão, servindo de couvert.

O menu mantém-se dentro da temática, sendo, por exemplo, as sobremesas referidas como sicários. Podem encontrar o menu e mais pormenores aqui

Quanto ao horário é das 12-2h, sendo que no período nocturno, este local aposta mais no serviço de bar. 

 

E então? Convencidos a experimentar este restaurante tão característico? 

Neste Dia... 4 de Fevereiro

Foi em 1991, há precisamente 25 anos, que foi lançado o album Innuendo, o 14º album de estúdio da mítica banda britânica Queen. Este acabou por ser o último album da banda lançado com Freddie Mercury ainda vivo. O cantor inglês viria a morrer meses mais tarde, em Novembro desse ano, mas não sem passar o último tempo da sua vida a trabalhar tanto quanto era possível na sua condição, para que a banda tivesse material para um album póstumo. O fruto desse trabalho veria a luz em 1995 com Made in Heaven, esse sim, o último album de estúdio dos Queen.

Hoje relembramos o eterno Freddie Mercury e os Queen com a canção mais conhecida de Innuendo, The Show Must Go On. Uma das minhas favoritas, é indescritível tudo o que ela me faz sentir.

 

 

Óscares 2016 | Soundtracks

Uma boa banda sonora não faz um bom filme, mas é, sem dúvida, um forte factor para que esse filme tenha em nós um maior impacto. Por outro lado, a completa ausência de uma banda sonora também pode revelar-se interessante. Assim de repente lembro-me de dois casos ilustrativos: o filme The Birds de Alfred Hitchcock não tem practicamente banda sonora, e essa atmosfera contribui para o exacerbar das emoções que o filme pretende transmitir. Já o filme Psycho, do mesmo realizador, não seria certamente tão icónico sem a famosa música do duche, e a restante banda sonora que acompanha o espectador no decorrer do filme.  

Tudo isto para dizer que sempre gostei de ouvir as bandas sonoras de alguns filmes, em que estas eram especialmente marcantes, e em que conferiam uma outra dimensão e qualidade ao filme. Penso que este sentimento será comum a muitos de vós. Afinal, quem é que nunca terminou um filme e ficou a trautear uma canção ou uma melodia? 

À semelhança do que fiz no ano passado, resolvi ouvir as soundtracks dos filmes que foram nomeados na categoria de melhor banda sonora original. Infelizmente ainda não consegui ver nenhum destes nomeados, pelo que a música não teve o mesmo impacto, mas ainda assim foi uma agradável experiência.

Oscars 2016 We All Dream in Gold.jpg