Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

La Vie en Chérie

Para os apaixonados por moda, cinema, livros e por uma vida doce e divertida

La Vie en Chérie

Para os apaixonados por moda, cinema, livros e por uma vida doce e divertida

Neste Dia... 20 de Dezembro

Assinala-se hoje o falecimento de John Steinbeck, Nobel da Literatura em 1962. Visto tratar-se de um autor de excelência, o La Vie en Chérie não podia deixar de lhe prestar homenagem. 

John-Steinbeck-007.jpg

Registado sob o nome de John Ernst Steinbeck Jr., nasceu em Salinas (Califórnia) a 27 de Fevereiro de 1902. Influenciado pelo pai, um político infuente, desde muito jovem leu autores de renome como Dostoiévski. Terminou o ensino secundário em 1919, na localidade onde nasceu, tendo posteriormente ingressado na Universidade de Stanford, no curso de Biologia Marinha. Steinbeck teve que trabalhar para suportar os custos da universidade. Em 1925 consegue emprego num jornal e começa a procurar um editor para os seus livros ainda não escritos na altura. Ao longo da sua vida trabalha como  farmacêutico, servente na construção civil, aprendiz de pintor, jornaleiro, caseiro e vigilante, permitindo-lhe uma visão do mundo que influenciaria a sua escrita. 

Em 1929 começam a surgir as suas obras sendo a primeira A Taça de Ouro. Seguem-se muitas outras obras, sendo que os primeiros livros não lhe garantiram logo o título de escritor. 

Publica Luta Incerta (1936), Ratos e Homens (1937), As Vinhas da Ira (1939), consideradas as suas obras-primas. A última recebeu o prémio Pulitzer e foi transportada para o cinema por John Ford em 1940. 

O seu legado conta ainda com muitos outros títulos, como A Pérola (1945), O Inverno do Nosso Descontentamento (1961), A Leste do Paraíso (1952), entre muitos outros. No total, 17 das suas obras foram adaptadas ao cinema, tendo sucesso também como escritor de filmes, sendo indicado, em 1944, para o Óscar de melhor história (categoria inexistente nos dias de hoje), com o filme de Hitchcock - Lifeboat. 

Nova Imagem.jpg

Com quase sessenta anos de idade, decide empreender uma viagem de autocaravana ao longo do seu país, acompanhado do seu cão Charley. Desta viagem resulta, em 1962, o seu último romance - As Viagens de Charlie. 

A 20 de Dezembro de 1968, em Nova Iorque, o mundo perde um dos maiores escritores de todos os tempos - Steinbeck falece de ataque cardíaco. 

 

Gostam de John Steinbeck? Que livro preferem? Devo confessar que "A leste do paraíso" está na minha lista dos próximos a comprar! 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.