Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

La Vie en Chérie

Para os apaixonados por moda, cinema, livros e por uma vida doce e divertida

La Vie en Chérie

Para os apaixonados por moda, cinema, livros e por uma vida doce e divertida

Séries da minha vida #23 - Community

Terminou este ano uma das séries de comédia que eu acompanhava – Community

2013_1210_Community_Show_KeyArt_1920x1080_CA_0.jpg

Composta por seis temporadas, com oitenta e oito episódios de vinte minutos cada, esta série americana foi primeiro transmitida pela NBC, passando depois para as mãos da Yahoo Screen na sexta e última temporada.

Esta série de televisão, centra-se, nas temporadas iniciais, na personagem de Jeff Winger (Joel McHale), um advogado que foi obrigado a voltar à universidade depois de se descobrir que o seu diploma era falso. Quanto à universidade, trata-se de Greendale Community College, uma escola com aulas singulares, alunos peculiares e um reitor muito, muito excêntico (Jim Rash).

Intuitivamente, Jeff conhece Britta Perry (Gillian Jacobs), uma rapariga com a qual ele almeja ter uma relação. Na nova lista de amigos de Jeff, segue-se Pierce Hawthorne (Chevy Chase), um idoso magnata que só quer ser cool e voltar a reviver a juventude. Quanto a Abed Nadir (Danny Puddi) é um estudante de cinema, que vive no seu próprio mundo e imagina que todas as vivências diárias são uma série de televisão. Os restantes membros são Shirley Bennet (Yvette Nicole Brown), uma mãe divorciada que tem algo a provar ao mundo, Troy Barnes (Donald Glover), o melhor amigo de Abed, que com ele partilha excêntricas aventuras e Annie Edison (Alison Brie), uma personagem que evolui e cresce bastante ao longo da série.

Este é o grupo inicial (que sofre modificações ao longo das temporadas) e a acção reporta às suas vivências diárias e aventuras na tão diferente Greendale. As personagens evoluem ao longo das temporadas, sendo a mais notória a de Alison Brie. Outra personagem por quem vale a pena ver esta série é a de Ken Jeong, que dá vida ao Señor Chang, um professor de espanhol muito incomum.

Numa opinião muito sincera, as três primeiras temporadas são deveras engraçadas, ainda que o nível de humor não esteja a par com as séries de comédia mais banais. Para ver Community é necessário uma mente disponível a este universo tão peculiar, quer em termos de humor, de linguagem e terminologia, como de personagens.

Não existe propriamente um curso de acção, no entanto, considero que as três temporadas mais recentes foram algo desconexas e um pouco desligadas do fio condutor. O produtor veio a público anunciar que esta sexta temporada foi mesmo a última, no entanto existe a possibilidade de fazer um filme. Esperemos para ver.

 

Classificação: 7/10

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.