Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

La Vie en Chérie

Para os apaixonados por moda, cinema, livros e por uma vida doce e divertida

La Vie en Chérie

Para os apaixonados por moda, cinema, livros e por uma vida doce e divertida

Adopção

Quem segue o blog sabe que eu (A.) sou uma viciada em séries (bem, a D. também é, mas um bocadinho menos). Como devem ter reparado têm surgido mais posts com críticas a séries, e a razão é porque as séries que acompanhamos estão a chegar ao fim (a maioria delas). 

Para não ficarmos orfãs de série, decidimos adoptar novas: 

 

A

(só vou começar no final de maio, quando apenas me restar Game of Thrones e Penny Dreadful):  

Nova Imagem.jpg

 

D

(também só devo começar na mesma altura, quando Game of Thrones for a única série que me resta):  

The Americans - Fargo - Bates Motel Posters.jpg

Já ando para ver The Americans há um tempão, uma série que já conta com três temporadas e que tem tido óptimas críticas, embora passe um pouco despercebida. Relativamente a Fargo, apesar de não ser grande fã do filme, tenho de dar uma hipótese à série, uma vez que esta arrecadou imensos prémios, e também são só 8 episódios. Recentemente vi Psychopelo que já me sinto finalmente em condições de ver Bates Motel, outra série que já ando para ver desde que estreou. Entremeadas com estas séries, existem outras que também vou ver, nomeadamente algumas que deixei a meio e mini séries. Para descobrirem quais são continuem a ler-nos que eu depois dou notícias!

 

Identificam-se mais com quais? 

Têm outras sugestões? 

Chérie, hoje apetecia-me ver... Psycho

Finalmente!

Finalmente vi a obra-prima do mestre do suspense Alfred Hitchcock, o seu intemporal e consagrado Psycho!

Considerado um dos melhores filmes de sempre, e também um dos mais influentes, estreou em 1960 e desde logo arrebatou audiências e críticos. Foi nomeado a 4 Óscares, incluindo Melhor Realizador e Melhor Actriz Secundária, e entrou para a história como o filme com a famosa cena do duche e a música de fundo aterradora. Foi considerado pelo American Film Institute como o Melhor Thriller de Sempre e a sua banda sonora como a quarta melhor de sempre, tanto que o próprio Hitchcock afirmou “33% of the effect of Psycho was due to the music.”

Sendo um dos filmes mais famosos da Sétima Arte, mesmo antes de o ter visto, eu já conhecia vários factos sobre o filme, tendo inclusive visto a cena do duche e sabia até o que acontecia no final. Apesar disso, foi um filme que me surpreendeu imenso, porque conhecendo o fim, não fazia ideia como as coisas se iriam desenrolar para chegar a esse ponto. 

Psycho Poster Alfred Hicthcock.jpg

Sem querer desvendar muito, a história começa com Marion Crane (Janet Leigh), uma jovem secretária que tem uma atitude inesperada e que nessa sequência se vê obrigada a fugir. Pelo caminho, ao afastar-se da estrada principal, ela encontra o Bates Motel, gerido por Norman Bates (Anthony Perkins), um jovem simpático e educado, que vive sob o controlo da sua mãe.

Psycho Norman Bates Quote.png

Filmado em preto e branco e com cerca de 108 minutos de duração, Psycho é um excelente filme de suspense, que cria desde o início uma atmosfera de mistério, quer pela sua fotografia, quer pela forma como a história é conduzida, e principalmente pela banda sonora, que é simplesmente genial. O filme é realizado de forma a sabermos muito pouco acerca dos personagens que nos vão sendo apresentados, pelo que as expectativas que criamos sobre eles são facilmente destruídas. Também a história é contada desta forma, para que não tenhamos ideia do que vai acontecer, até ao meio do filme, quando o filme segue numa direcção diferente da anterior, e nos encaminha para o verdadeiro mistério.

As interpretações dos dois actores principais estão bastante bem conseguidas, especialmente a de Anthony Perkins, que nos dá um Norman Bates carismático e doce, mas sempre com aquela sensação de que algo está errado. Gostei particularmente de ver a evolução de Marion e de descobrir o motivo que a leva a encetar a fuga, e que a faz ir de encontro a Norman, e achei os diálogos entre estes dois excelentes. 

Psycho - Marion and Norman.jpg

Com cenas de tirar a respiração, macabro e apontamentos de terror, Psycho tem uma história e um fim verdadeiramente mind-blowing que vos vai deixar a pensar neste filmes várias vezes. Em suma, adorei este filme e recomendo-o a toda a gente! É uma obra brilhante de um dos maiores realizadores de sempre e que vos vai prender do início ao fim.

A título de curiosidade, a história do filme foi adaptada de um livro de 1959 com o mesmo nome, o qual por sua vez foi baseado na história de um assassino norte-americano. Já teve direito a três sequelas, sempre com Anthony Perkins, um remake com Vince Vaughn a interpretar o papel de Norman, um filme para a televisão, e ainda uma série, de nome Bates Motel e da qual já falámos aqui.

 

Classificação: 9/10

Séries da minha vida #4 Bates Motel

Reporta há uma semana atrás o dia fatídico em que comecei a ver Bates Motel. Apesar de ter duas temporadas, não consegui parar e foi excelente! A verdade é que já conhecia a série há imenso tempo, no entanto nunca me tinha disposto a ver, e agora aqui fica a review
Bates Motel, exibida pela A&E, é uma série de televisão de drama e crime, criada por Carlton Cuse, Kerry Ehrin e Anthony Cipriano. A série é no fundo uma prequela contemporânea do filme Psycho, de Alfred Hitchcock. Centra-se nas personagens Norma e Norman Bates, mãe e filho, antes dos acontecimentos do filme.

Bates-Motel-Season-2-New-Poster_FULL.jpg

Norman, interpretado por Freddie Highmore (o "miudinho" do Finding Neverland), e a sua extremosa mãe, Norma (Vera Farmiga), mudam-se para uma nova cidade após o estranho falecimento do marido de Norma e pai de Norman. Na nova cidade, White Pine Bay, adquirem um motel - o Motel Bates, fazem amigos, mas também muitos inimigos, o que dificulta a vida das personagens principais, que rapidamente compreendem o funcionamento obscuro da cidade em que se encontram. Podem achar que vos estou a contar pouco, a incluir poucas personagens no meu resumo, mas acreditem, é viciante e tudo o que eu possa dizer para além disto, será um spoiler.

Nova Imagem.jpgA série estreou em 2013 e devido a uma audiência bastante favorável foi renovada para uma segunda temporada. Em 2014, continuou o sucesso e foi renovada para uma terceira temporada, que eu aguardo ansiosamente e que estreia dia 9 de Março. 

 

Conheciam? Vão ver?