Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

La Vie en Chérie

Para os apaixonados por moda, cinema, livros e por uma vida doce e divertida

La Vie en Chérie

Para os apaixonados por moda, cinema, livros e por uma vida doce e divertida

O Livro da Selva

Nos últimos anos, a par com a moda de fazer filmes e séries de super-heróis, com direito a múltiplas sequelas, prequelas e remakes, também os filmes que adaptam livros clássicos infantis têm estado bastante em voga. Geralmente tem sido a Disney a grande responsável por trazer às salas de cinema novas adaptações destas histórias, muitas vezes readaptando os seus próprios filmes de animação, mas não tem sido a única, porque todos querem explorar este filão.

Um dos próximos livros cujas adaptações estão para breve é The Jungle Book ou O Livro da Selva de Rudyard Kipling, mas ao invés de ser apenas um filme, vão ser dois a adaptar a história imortal de Mowgli sob os títulos The Jungle Book, com estreia no próximo ano, e Jungle Book: Origins, com estreia em 2017. O primeiro é realizado por Jon Favreau, o mesmo de Iron Man 1 e 2 e (lá está) é produzido pela Disney. O segundo constitui a estreia de Andy Serkis (o eterno Smeagol/Gollum de LOTR) no mundo da realização e é a Warner Bros que o produz. 

Por forma a facilitar comparações entre um e outro, nomeadamente quanto aos actores escolhidos para interpretar os papéis mais clássicos do livro, utilizei as imagens da animação da Disney para ser mais fácil relembrar os personagens. Assim temos:

 

The Jungle Book (2016)                                                        Jungle Book: Origins (2017)

 

O Livro da Selva - Shere Khan.JPG

Idris Elba e Benedict Cumberbatch como Shere Khan

 

Aqui divido-me totalmente, gosto imenso de ambos os actores, tanto um como o outro têm vozes profundas, magníficas para o vilão. O Benedict tem o extra point de já ter dado voz ao Smaug na trilogia The Hobbit. Decisions, decisions...

 

O Livro da Selva - Baloo.JPGBill Murray e Andy Serkis como Baloo

 

Não imagino muito o Andy Serkis como Baloo, mas não tenho dúvidas de que vai conseguir fazer um bom trabalho porque, bem, é o Andy Serkis! Não sou grande fã do Bill Murray, portanto aqui inclino-me mais para o segundo filme.

 

O Livro da Selva - Bagheera.JPGBen Kingsley e Christian Bale como Bagheera

 

Dois grandes actores oscarizados com imenso talento. Não seriam a minha primeira escolha para esta personagem, mas penso que ambos vão ser óptimos. Contudo, estou mais interessada no que é que Kingsley vai fazer com este papel.

 

O Livro da Selva - Kaa.JPGScarlett Johansson e Cate Blanchett como Kaa

  

Para já, não imaginava a Kaa como uma fêmea (preciso de rever o livro!!!), mas este "duelo" é aquele em que não tenho a menor dúvida: a Cate Blanchett leva a taça. Além de gostar mais do seu trabalho, do que vi no trailer a voz de Scarlett não se adequa a este papel.

 

Pelos actores acho que me inclino mais para a adaptação de 2017, mas a verdade verdadinha é que vou também dar uma hipótese ao filme de 2016, seja para comparar, seja porque me parece que vai ter um tom mais leve e parecido à animação de 1967. E vocês, que expectativas têm para estes filmes? Estavam a par destas adaptações?

Neste Dia... 18 de Janeiro

Hoje assinala-se o falecimento do escritor britânico Joseph Rudyard Kipling, o primeiro escritor dessa nacionalidade a receber o Prémio Nobel da Literatura, em 1907, e o mais jovem à data. A sua bibliografia (deveras extensa) é principalmente constituída por livros de pequenas histórias para crianças, e por centenas de poemas.

Nascido a 30 de Dezembro de 1865 em Bombaim, quando a Índia ainda fazia parte do Império Britânico, mudou-se juntamente com a irmã para Inglaterra ainda durante a infância. Regressou à Índia em 1882 e começou a trabalhar intensamente num jornal, dando finalmente liberdade à sua necessidade de escrever. Em 1888 publicou seis livros com um total de 41 histórias. Regressou novamente a Londres, onde as suas histórias foram bem aceites e publicadas e em 1892, com 26 anos, casou-se com a sua esposa. Mudar-se-iam depois para os EUA e viriam a ter três filhos.Rudyard Kipling.jpg

Em 1894 publicou o seu mais famoso livro de sempre, e uma obra intemporal da literatura The Jungle Book ou O Livro da Selva, e no ano seguinte o segundo volume The Second Jungle Book. Em 1901 publica o seu aclamado romance Kim e em 1902 Just So Stories for Little Children. Por esta altura atinge o seu pico de popularidade e em 1907 recebe o Prémio Nobel. Durante a Primeira Guerra Mundial escreveu propaganda a incentivar o exército e população britânica e continuou sempre a escrever, embora já sem a intensidade e sucesso de outrora, acabando por morrer a 18 de Janeiro de 1936, com 70 anos, na sequência de uma hemorragia intestinal. A sua autobiografia foi publicada postumamente em 1937.

rudyard kipling 1926 time cover.jpg

Mesmo depois da morte a sua influência permaneceu, tendo influenciado diversos escritores, dando nome a descobertas científicas e inclusive, em 2013 foram publicados pela primeira vez mais de 50 poemas seus. 

Já tiveram a oportunidade de ler a sua mais famosa obra, O Livro da Selva? É um livro extremamente belo e imaginativo, um dos meus favoritos, com um estilo de escrita muitíssimo interessante.

Jungle_book_1894_138.jpg